Casa Ferreirinha Esteva Douro 2011

Casa Ferreirinha Esteva Douro 2011

92 pontos. Um dos rótulos de entrada da vinícola Casa Ferreirinha, que não economiza qualidade até mesmo em seu portfólio mais simples. No nariz mostrou um delicioso, jovial e frutado aroma, onde se ressaltaram a cereja e framboesa. Na boca tem equilíbrio e final aveludado, encontrado usualmente apenas em rótulos mais caros. O interessante é que dá para perceber, de forma tímida, porém nitidamente, o que os irmãos mais velhos devem possuir em níveis elevados: potência, robustez e persistência.

País / Região: Portugal / Douro

Castas: Tinta Roriz, Tinta Barroca, Touriga Franca e Tourgia Nacional, em proporções diferentes dependendo da safra.

Graduação Alcoólica: 13°

Elaboração: vinificado essencialmente na Adega da Quinta do Seixo, a partir de uvas provenientes das Quintas do Caêdo, Seixo e Porto, situadas na zona do Pinhão, e ainda de uvas de zonas de maior altitude. Assim se obtém naturalmente o equilíbrio na maturação, desejado para este estilo de vinho com a necessária acidez natural. Os cachos foram vindimados à mão. Após suave desengace e esmagamento, as uvas fermentaram em cubas de aço inox, com suave maceração apoiada por remontagem, sob temperatura controlada a 25° C por forma a preservar os aromas da uva. Depois da maceração, seguiu-se a fermentação maloláctica em condições rigorosamente controladas.

Harmonização: ideal para acompanhar todo tipo de aves, carnes variadas, queijos e alguns peixes.

Temperatura de serviço: 15 a 17°C.

Preço: R$69,99 em Mega Adega (pesquisa realizada em 04/08/16).

Casa Ferreirinha Esteva Douro 2011

Mais detalhes

  • http://www.sograpevinhos.com/marcas/Casa%20Ferreirinha/Casa%20Ferreirinha%20Esteva%20Tinto%202015

 

Quinta da Manoella Vinhas Velhas 2010

Wine & Soul Quinta da Manoella Vinhas Velhas 2010

92. Adoro vinho com nome de mulher, é sedução já no rótulo. Aromas contidos, mas na boca é possível experimentar um sopro de sabores que vão aparecendo em camadas. Percebe-se as características das uvas em cada porção do vinho na boca. Elegância, corpo e persistência diferenciados.

Produtor: Wine & Soul

Região / País: Douro, sub-região Cima Corgo, Vale do Pinhão, Vale de Mendiz / Portugal

Castas: vinha centenária com mistura de cerca de 30 castas indígenas do Douro.

Graduação Alcoólica: 14,5%

Elaboração: a vindima realizou-se em perfeitas condições atmosféricas na segunda semana de setembro. As uvas devidamente selecionadas e desengaçadas fermentaram em lagar com pisa a pé durante 10 dias. O estágio e fermentação malolática decorreu em barricas de carvalho francês durante 20 meses. Produção de 3.300 garrafas 750 ml, 200 magnums, 10 jeroboams.

 

Mais detalhes em:

  • Ficha Técnica
  • http://www.vivino.com/wineries/pt-wine-and-soul/wines/manoella-vinhas-velhas-2010

 

Pintas Character 2011

Pintas Character 2011 Douro Portugal

91. Complexo, multi-camadas, muito bem equilibrado, mas o pequeno amargor no final de boca faz ele perder alguns pontos. Produzido com mais de 20 castas (!!!) e pisa à pé. Levou 94 na WE e 90 na WS.

Região / País: Douro, sub-região Cima Corgo, Vale do Pinhão, Vale de Mendiz / Portugal

Castas: vinhas velhas com cerca de 30 castas autóctones do Douro.

Graduação Alcoólica: 14,5%

Elaboração: vindima realizou-se em perfeitas condições atmosféricas na segunda semana de setembro. As uvas devidamente selecionadas e desengaçadas fermentaram em lagar com pisa à pé durante 10 dias. O estágio e fermentação maloláctica decorreu em barricas de carvalho francês durante 18 meses. Produção de 10.500 garrafas 75cl, 220 magnums e 20 jeroboams.

 

 

Mais detalhes em:

  • Ficha Técnica
  • http://www.vivino.com/wineries/pt-wine-and-soul/wines/douro-pintas-character-2011

 

Vertice Espumante Douro Millesimé 2009

Vertice Espumante Douro Millesimé 2009

87. Eleito o melhor espumante português. Achei ele muito bom, mas nada de excepcional. Cor dourada muito bonita, brilho festivo e perlage elegante. Na boca não mostra muita suavidade, de repente por causa da acidez ligeiramente acentuada.

Região/Denominação: Douro

Castas: Códega, Gouveio, Malvasia Fina, Rabigato, Touriga Franca, Viosinho.

Graduação Alcoólica: 12,5%

Elaboração: elaborado pelo método clássico ou champenoise. Este espumante não é produzido todos os anos. Apenas nas safras especiais. Estagiou 36 meses na garrafa para fazer a 2ª fermentação. Data do degorgement escrita no contra rótulo. Espumante millésime com uma qualidade muito própria, acabando por exprimir as condições climatológicas do ano que vão conferir tipicidade e uma grande qualidade. Produção de 10.000 garrafas.

Serviço: 7° a 8°C

 

Mais detalhes em:

  • http://www.cavestransmontanas.pt/index.php/vertice/vinhos
  • http://www.vivino.com/wineries/transmontanas/wines/vertice-espumante-do-douro-millesim-2009

 

Altano Douro Tinto 2010

Altano Douro Tinto 2010 Portugal

88. Notas de frutas vermelhas e chocolate. Bem equilibrado, mas pouco aveludado. Lembra mais os vinhos do novo mundo, ou seja, não possui tanto da tipicalidade portuguesa.

Região/Denominação: Douro

Uvas: Touriga Franca, Tinta Roriz e Tinta Barroca

Vinificação: em cubas de remontagem, onde se procura uma maceração suave a baixa temperatura (23 – 24°C) para extrair cor e aroma e para limitar a extracção de taninos, produzindo um vinho muito aromático e macio.

Envelhecimento: em média, 4 meses em barricas usadas de carvalho francês e americano, seguindo-se um período em garrafa de mais 4 meses, antes da colocação no mercado.

Harmonização: vinho gastronômico, acompanha massas, como pizza ou lasagna, e pratos da cozinha tradicional portuguesa, como Bacalhau à Brás, carne de porco à alentejana, rojões à moda do Minho, entre outros.

 

Mais detalhes em:

  • http://www.vivino.com/wineries/altano/wines/tinto-2010
  • http://www.altano.pt/section.php?id=1268
  • http://www.altano.pt/static/5821_ALTANO_TINTO_2009.pdf

 

Crasto Douro Tinto 2011

Crasto Douro Tinto 2011

89. Frutas do bosque, ameixa e um toque de eucalipto. Bem equilibrado, desce redondo. Sabor tradicional das terras lusitanas, com o costumeiro aroma intenso.